Cachorro para apartamento pequeno: saiba principais raças

Você sabe quais cachorro para apartamento pequeno? Hoje em dia, os apartamentos e imóveis estão cada dia menores, seguindo tendências mundiais do mercado imobiliário. No entanto, também é verdade que nossa sociedade tem cada dia mais pets em casa e em apartamentos.

Atualmente, são mais de 139 milhões de animais de estimação, sendo 54 milhões deles cachorros. Mas nem todos eles podem ser criados em apartamentos. Existem algumas das principais raças de cachorros para ter em apartamento pequeno e é importante conhecê-las se você pretende morar em um apartamento.

Hoje em dia, cuidar de pets tem se tornado cada vez mais simples e prático. Existem muitos produtos que podem ser usados para garantir mais saúde e longevidade, bem como hábitos a serem seguidos para manter uma vida mais saudável com o seu cão. Um exemplo de um ótimo produto para criar seu cão em um apartamento é o Longevi, um suplemento para ser usado com a ração que melhora o nível de energia do cachorro (deixa ele menos agitado), bem como reduz a queda de pelos e aumenta a sua saúde no geral.

E aí, quer conhecer as principais raças de cachorros para ter em apartamento pequeno? Então siga a leitura do artigo abaixo com atenção!

Cachorro para apartamento pequeno: 5 opções

1. Pug

Conhecidos por serem fofuchos e rechonchudos, os Pugs estão entre os cachorros mais populares entre os jovens atualmente, especialmente entre quem vive em apartamento. A razão é simples: ele é pequeno, tranquilo, late muito pouco e precisa de poucos passeios para gastar sua energia e não ficar muito agitado.

Por isso, cuidar de um Pug em um apartamento pode ser relativamente mais tranquilo do que de outras raças. No entanto, é vital entender que o Pug tem uma tendência a ter problemas respiratórios, especialmente em ambientes muito empoeirados. Por isso, apartamentos que ficam nos primeiros andares e recebem muita poeira da rua, podem não ser os mais indicados para esses cães.

2. Cachorro para apartamento pequeno: Yorkshire

O Yorkshire é um cãozinho que se destaca por ser bem pequeno e ter um tipo de pelo que não é prejudicial para quem é alérgico. Ou, pelo menos, não é tão prejudicial assim quanto outras raças de cachorro. Além disso, ele é muito bondoso, alegre e brincalhão, sendo um dos principais amigos das crianças.

No entanto, ele é um cachorro muito ativo e que demanda atenção e brincadeiras, além de muitos passeios. Por isso, pode dar um trabalho nesse sentido. Além de levá-lo para passear com frequência, vale a pena dar o Longevi para controlar seus níveis de energia.

3. Lulu da Pomerânia

O Lulu da Pomerânia é um tipo de cachorro bem pequeno, com tamanho médio de 22 centímetros, o que faz com que sejam bem indicados para apartamentos. Eles vivem em média 16 anos e são muito adaptáveis, o que também é um bom sinal. A parte negativa é que são cães que precisam de bastante atenção. Por isso, é importante cuidar deles com carinho, levá-los para passear e manter a higiene sempre em dia, especialmente para cuidar da sua pelagem.

4. Cachorro para apartamento pequeno: Cavalier King Charles Spaniel

Uma das principais raças de cachorros para ter em apartamentos é o Cavalier King Charles Spaniel. Trata-se de um cachorro de porte pequeno e de comportamento muito calmo e dócil, que realmente não dá muito trabalho para se adaptar ou viver dentro do apartamento. Ao mesmo tempo, são muito animados quando estão com a família e gostam muito de crianças, especialmente de brincar com elas. Portanto, são perfeitos para um passeio no parque nos fins de semana com os mais novos.

Tenha atenção ao fato de que muitos deles podem exigir alguns cuidados especiais. Portanto, é importante ter contato com um veterinário que conheça bastante a raça..

5. Shih Tzu

Por fim, não poderíamos deixar de fora o Shih Tzu da nossa lista. Não é incomum ver um cachorro dessa raça em apartamentos, afinal, são cães muito carinhosos, dóceis e que passam grande parte do tempo se entretendo sozinhos, especialmente se tiverem muitos brinquedos. Eles também ficam sempre com os donos, o que diminui a solidão de morar sozinho em um apartamento.

O ponto negativo é que trata-se de uma raça que precisa de um cuidado especial com o pelo para evitar que eles formem nós ou se embolem. Em casos mais graves, eles podem até se machucar assim. Por isso, esteja preparado para uma série de cuidados com os pelos do cachorro.

Essas são as principais raças de cachorros para ter em apartamento pequeno. É claro que existem outras muito interessantes para se ter, como o Lhasa Apso. Portanto, vale a pena pesquisar e ver quais cachorros mais combinam com você, seu estilo de vida e o tipo de apartamento que você terá. Por exemplo, alguns dos cães podem ser peludos demais para a sua região ou para a sua casa.

Gostou da lista? Então comente abaixo dizendo qual desses cães você gostaria de ter!

 

Veja também: Dicas para gerenciar uma loja de presentes 

Comentários estão fechados.